Oficina "A Arte de Contar Histórias", ministrada no SESI Escola de Várzea Grande / MT , para Professores da EJA - 12/03/2011




A oportunidade de trabalhar a Arte na Educação com enfoque na Cultura Oral é muito gratificante, principalmente quando encontramos profissionais empenhados em produzir e compartilhar conhecimento. Nesse encontro iniciamos nossa roda de conversa com uma retrospectiva da história da tradição oral, desde os tempos mais remotos: as primeiras manifestações, sua função na sociedade, seus pesquisadores e narradores. Nesse processo foi possível, o grupo, analisar e refletir sobre a função da oralidade e da escrita até os dias atuais, principalmente na área educacional.
Esse panorama possibilitou que as atividades propostas, para os grupos, fossem desenvolvidas de forma satisfatória. Por ser um grupo heterogêneo com professores de vários municípios do interior e também da capital do Estado, foi possível socializar as histórias do grupo e perceber que as mesmas pertenciam a uma determinada região. O objetivo da oficina é apresentar aos educadores sugestões de pesquisa das histórias da tradição oral, trabalhando as diferenças entre a oralidade e a escrita.
As atividades proporcionaram, aos grupos participantes, uma investigação de apresentação e representação da palavra a partir de outras linguagens artísticas, o que resultou em desenhos ilustrativos a partir da história escrita; a utilização de técnicas da arte contemporânea para expressar imagens do cenário e das personagens das histórias contadas oralmente pelo grupo, representando-as em painéis que exprimissem os sentimentos, a atmosfera do conto narrado e a criação e construção de personagens a partir de objetos e tecidos.
A cada oficina que ministro tenho certeza que a Arte de Contar Histórias é e sempre será essencial ao ser humano.
Segundo Ong (1998, p.17). "A fala é inseparável da nossa consciência e tem fascinado os seres humanos, além de trazer à tona reflexões importantes sobre si mesma, desde os mais antigos estágios da consciência, muito tempo antes do surgimento da escrita".
"Fascinação" é uma palavra que define bem o meu sentimento pela Arte de Contar Histórias, e espero que a cada dia mais pessoas possam ter esse privilégio de trabalhar com as Artes.
Agradeço a Cíntia pela oportunidade de trabalharmos mais uma vez esta arte nas instituições educacionais do SESI e a recepção calorosa por parte de toda equipe pedagógica do SESI-VG, principalmente a Ana que generosamente esteve presente durante toda oficina. Para os professores participantes, agradeço de coração por este presente que foram as histórias de vida, de superação, de tristeza, de alegria, engraçadas e inusitadas que cada um trouxe, desejo sucesso à todos (as)...

2 comentários:

doracy disse...

Que legal, vejo que aproveitou bem as aulas da prof. Tereza. Bjos.

Alicce Oliveira disse...

Olá Doracy, saudades...
Essa atividade é maravilhosa, tem tudo a ver com o meu trabalho....gosto de compartilhar boas ideias....
Bjos...