HISTÓRIAS BIRUTAS E BATUTAS - PROJETO CONTOS DO MATO - PRIMAVERA DO LESTE II



Primeira etapa do Projeto Contos do Mato: “Pé na estrada”

Em uma bela manhã ensolarada a menina Alicce, contadora de histórias, decide convidar alguns amigos e realizar um sonho: “arrumar as malas e viajar de cidade em cidade contando e encantando com histórias da cultura popular.

Começar 2010 com a realização do Projeto “Contos do Mato”, tendo o apoio de profissionais iguais a produtora Mazé Oliveira, o fotógrafo e design gráfico Jan Moura, o técnico Emanuel Vitor e os músicos Jailson Prado e Bruno Mangabeira, é com certeza uma alegria impar. Tenho somente a agradecer...

Chegamos a Primavera do Leste, cidade localizada no interior de Mato Grosso.

Recepção calorosa por parte da Secretaria Municipal de Cultura e Educação, muito bem representada pelo secretário Chicão, o qual viabilizou a nossa visita a cidade. Tivemos, também, a felicidade de termos como anfitrião o diretor, escritor e ator Wanderson, da Companhia de Teatro Faces (um grupo formado por uma moçada muito trabalhadora, sediado no incrível Centro Cultural da cidade, e que tem trilhado um caminho muito bacana); com certeza farão história em Mato Grosso.

Na sexta-feira pela manhã, uma experiência inédita e desafiadora, para uma contadora de histórias habituada com públicos mistos, tendo agora que apresentar para aproximadamente 500 adolescentes. Missão mais do que cumprida, a recepção foi totalmente interativa, fiquei surpresa com a participação da moçada, frente às histórias de bichos falantes e meninos travessos, com músicas e brincadeiras de nossa infância.

A tarde, como em um conto de fadas, aconteceu o que todos contadores de histórias esperam do público ouvinte, ou seja, a total participação da platéia. A tarde era fresca e o clima foi ideal para que todos pudessem dar asas à imaginação. Adorei...

No sábado a oficina teve uma enorme procura por parte da comunidade, superando as nossas expectativas. Sem dúvida foi um momento muito especial e um excelente início de temporada do projeto.

Importantíssimo lembrar que este projeto é viabilizado graças ao Prêmio Funarte de Teatro Myrian Muniz, que possibilitou a nós e a tantos outros artistas brasileiros, fortalecer a arte em várias regiões do Brasil, diminuindo a distancia que os fatores econômicos impõem a arte, e a todas as outras áreas neste país.

Um comentário:

Anônimo disse...

hola, soy uruguayo, alguien en primavera do leste conoce a benito prieto "piruco"? es mi tio, favor comunicar al msn jorge_c_lagos@hotmail.com obrigado